Sábado, 14 de Outubro de 2006

Faz de conta...

>>"FANTÁSTICA/BRILHANTE ESTA PALESTRA DE UMA PROFESSORA"
>>
>>
>>FAZ - DE - CONTA
>>
>>
>> Recentemente uma professora, proferia uma palestra e, com muita >> lucidez,
>>trazia pontos importantes para a reflexão dos ouvintes.
>>
>>Veja o que ela disse:
>>
>> Já vivi o bastante para presenciar três períodos distintos no >> comportamento das pessoas.
>> O primeiro momento eu vivi na infância, quando aprendi de meus pais >> que era preciso ser.
>>Ser honesta,
>>ser educada,
>>ser digna,
>>ser respeitosa,
>>ser amiga,
>>ser leal.
>> Algumas décadas mais tarde, fui testemunha da fase do ter.
>>Era preciso ter.
>>Ter boa aparência,
>>ter dinheiro,
>>ter status,
>> ter coisas,
>> ter e ter...
>> Na atualidade, estou presenciando a fase do faz-de-conta.
>>
>> Analisando sob esse ponto de vista, chegaremos à conclusão que a >> professora tem razão.
>>Hoje, as pessoas fazem de conta que está tudo bem.
>>Pais fazem de conta que educam,
>>professores fazem de conta que ensinam,
>>alunos fazem de conta que aprendem.
>>Profissionais fazem de conta que são competentes,
>>governantes fazem de conta que se preocupam com o povo
>>e o povo faz de conta que acredita.
>>Pessoas fazem de conta que são honestas,
>>Doentes fazem de conta que têm saúde,
>>criminosos fazem de conta que são dignos
>>e a justiça faz de conta que é imparcial.
>>Traficantes se passam por cidadãos de bem
>>e consumidores de drogas fazem de conta que não contribuem com esse >>mercado do crime.
>>Pais fazem de conta que não sabem que seus filhos usam drogas,
>>que se prostituem, que estão se matando aos poucos,
>>e os filhos fazem de conta que não sabem que os pais sabem.
>>Corruptos se fazem passar por idealistas
>>e terroristas fazem de conta que são justiceiros.
>>
>>E a maioria da população faz de conta que está tudo bem.
>>
>> Mas, uma coisa é certa:
>>não podemos fazer de conta quando nos olhamos no espelho da própria >>consciência.
>>Podemos até arranjar desculpas para explicar nosso faz-de-conta, mas não >>justificamos.
>>
>>Importante salientar, todavia, que essa representação no dia-a-dia, esse >>faz-de-conta, causa prejuízos para aqueles que lançam mão desse tipo de >>comportamento.
>>
>> A pessoa que age assim termina confundindo a si mesma e caindo num >> vazio, pois nem ela mesma sabe quem é de fato, e acaba se traindo em >> algum momento.
>>E isso é extremamente cansativo e desgastante.
>>É necessário atitude!
>> Raras pessoas são realmente autênticas.
>>Por isso elas se destacam nos ambientes em que se movimentam.
>>
>>São aquelas que não representam, apenas são o que são, sem fazer de conta.
>>
>>São profissionais éticos e competentes, pessoas de atitudes, amigos leais, >>pais zelosos na educação dos filhos, políticos honestos, cristãos fiéis >>aos ensinos que ministram.
>>São, enfim, pessoas especiais, descomplicadas, de atitudes simples, mas >>coerentes
>>e, acima de tudo, fiéis consigo mesmas.
>>
>>- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - >> - - - - - - - - - -
>>
>> A pessoa que vive de aparências ou finge ser quem não é
>>corre sérios riscos de entrar em depressão.
>> Isso é perfeitamente compreensível, graças à batalha que trava consigo >> mesma
>>e o desgaste para manter uma realidade falsa.
>>
>>Se é fácil enganar os outros, é impossível enganar a própria consciência.
>>
>>Por todas essas razões, vale a pena ser quem se é, ainda que isso não >>agrade os outros.
>>
>>Afinal, não é aos outros que prestaremos contas das nossas ações,
>>e sim à nossa consciência e a Deus.
publicado por Paula Valentina às 15:06

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
30

.posts recentes

. Pepino não serve só pra ...

. PARA QUEM GOSTA DE FEIJOA...

. AMIGOS DE TODOS OS TAMANH...

. Puto Inteligente.

. Para os mais antigos...e ...

. COMO DISSOLVER PEDRAS NOS...

. Boaaaaaaaaaaaaa

. Sem palavras...

. Não deixe de ver...é esp...

. INOVAÇÕES PRÁTICAS E ÚTE...

.arquivos

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Junho 2009

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.favorito

. Memórias vilacondenses (V...

. Caleidoscópio

.participar

. participe neste blog

blogs SAPO

.subscrever feeds